Buscar
  • A Comportamental ciências do comportamento

2021

O ano de 2021, que começou tão cheio de esperança para o mundo, nos mostrou que a vida é realmente uma grande surpresa e temos pouco controle sobre tantas coisas. Logo no início do ano uma segunda onda da COVID chegou quebrando todas as portas e levando muitos de nossos amores, tirando a esperança e trazendo medo, muito medo. Quantas perdas tivemos esse ano? Quanta dor foi possível sentir? E como o tempo não espera que a gente se recupere, os dias e meses foram passando e a vida exigindo uma recomposição. Continue. Avance. Não dá tempo de sentir dor. E uma nova dor surgia. E uma nova perda chegava. 600 mil pessoas que se foram, e em 2021 a quantidade de pessoas mortas superou o início da pandemia.


Mas nós seguimos. Seguimos fazendo o que acreditamos que era útil e importante para nossa comunidade: fortalecendo vínculos e qualificando profissionalmente. Passamos o primeiro semestre de 2021 praticamente online. Não nos tocamos e não olhamos nos olhos uns dos outros, mas vimos os sorrisos pelas lentes das câmeras. Foi confortante.


Contamos com a colaboração de grandes mestres para nos ajudar nessa empreitada de ver nossos valores em ações.


A bendita vacina chegou e alcançou todos os psicólogos em um domingo ensolarado de Belém e, quando já não tínhamos forças e sorrisos espontâneos, a esperança renasce, aquela do início do ano. Cada foto publicada era um alívio. Mas, mesmo com a vacina alcançando a todos, perdemos a Rafa, uma aluna muito querida. Que tristeza perder alguém para COVID depois da vacina. Deixou nossos corações tristes e o medo tomou conta novamente.


Seguimos. Tínhamos que seguir.


Formamos turmas de pós-graduação e inauguramos novas turmas, não somente em Belém como Macapá no Amapá, Bragança e Parauapebas no Pará. Tudo se deu por parcerias entre pessoas que acreditam na mesma coisa: é vivendo que encontraremos o caminho.


E assim, vivendo com medo mesmo, fomos alcançando nossos objetivos e nos aproximando novamente do que realmente importa.


Depois da vacina, voltamos às aulas presenciais, já no segundo semestre de 2021, e pudemos colher os lindos frutos da convivência humana: as gargalhadas, os abraços, as fotos, comer juntos e discutir nossos casos clínicos em grupo.


O ano foi difícil, muitas tristezas e medos, mas seguir em frente foi a esquiva mais funcional que poderíamos ter e no fim de 2021 conseguimos comemorar os ganhos de ter seguido.


Em 2022 vamos seguir junto com a nossa comunidade para aquele caminho que acreditamos ser o que nos move:

afeto compartilhado e conhecimento valioso.


Não estamos prontas para 2022 e nem temos clareza de como será seu caminho. Mas aprendemos com 2021 que seguir e proteger quem amamos é uma escolha que deu certo. Reforçamos nosso compromisso de formar nossos alunos com qualidade e afeto em 2022.

Feliz 2022 a todes!

<3

7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo